Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Crónica de um louco sentimental - A queda

autoria de Bruno C. da Cruz, em 06.03.12

Há alturas, em que mundo gira em sentido contrário ao que as nossas pernas conhecem, querem e conseguem. O equilibrio perde-se e é no chão que encontrámos a posição mais confortável para assistirmos a tudo que gira à nossa volta.

 

No chão ficam os planos, os sonhos, o presente e o futuro. Ficam cabeça, corpo, alma e coração. Ficam memórias, histórias, momentos e lamentos. Fica o tudo que em nós existe, lado a lado com aquilo em que nos tornamos.

 

E o mundo gira, não pára. Pisa tudo que não o acompanha. Derruba tudo que tenta girar em sentido contrário. Passa por cima sem ver quem assiste do chão à sua passagem. E magoa.

 

Mas, um dia, chega uma altura que, de tanto observarmos, aprendemos a ter equilíbrio para acompanhar de forma certa o sentido e a velocidade a que o mundo gira. Sempre chega! 

 

Quando esse dia chega, levantamo-nos de cabeça erguida, guardamos tudo o que sempre foi nosso, e corremos com toda a força e com toda a vontade de acompanhar todas as voltas. Podemos até ter medo de voltar a cair, mas se não fossem as quedas não nos saberíamos levantar!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:37


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Ana Oliveira a 14.03.2012 às 19:25

Olá, já algum tempo que sigo o teu blog e adoro a tua forma de ver o mundo e tudo o que nos rodeia.
Cada um tempo uma forma diferente de ver e sentir, mas há dias, em que nos levantamos bem connosco mesmo, porque errámos, fomos nós próprios sem medos e tudo aquilo que temos foi por mérito próprio. Ás vezes temos medo de expressar aquilo que nos vai na alma, porque temos receio que os outros gozem, manipulem... mas não podemos perder o equilíbrio, temos que seguir em frente sendo verdadeiros e fiéis à nossa mente.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog