Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Futuro próximo

autoria de Bruno C. da Cruz, em 25.03.06

Vais partir.

Agora que te tenho vais-me fugir
como areia na mão a escapar-me pelos dedos.
Vais ser uma lembrança, não tarda nada.
Uma memória viva em mim, onde nela viverão os medos
que um dia tive por não te ter
e que vou sentir ao te perder.
Vais ser lágrima que me corre
pelo corpo, como gota de orvalho que morre
nas pétalas de uma flor... que dor!
Sim, vais-me doer, é certo.
Vais ser a ressaca, outrora foste o vício
que me consumia a alma.
Calma... Ainda te sinto perto.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:27


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog